Ministério

p741217437-6A África tem cerca de 1 bilhão de pessoas vivendo em 57 países, falando cerca de 2110 línguas das quais cerca de 1000 delas não tem a bíblia traduzida. A população está dividida eentre 3839 etnias. Destas, aproximadamente, 900 ainda não foram alcançadas pelo Evangelho.

Segundo estudos da ONU, dos 40 países mais pobres do mundo, 35 estão na África. Grande crescimento populacional, dirigentes corruptos, desastres naturais, guerras e doenças são algumas das causas. A AIDS tem dizimado milhares de pessoas. Hoje, cerca de 71% de todos os casos mundiais são encontrados na África. Uma estimativa conservadora calcula mais 25 milhões de infectados e 15 milhões de órfãos.

A Igreja Africana é uma das igrejas que mais cresce no mundo, mas a falta de preparo de líderes e pastores tem sido um dos grandes desafios no continente.

Estima-se que hoje 43% da população ainda não teve acesso ao evangelho, a grande maioria de origem muçulmana que está concentrada no Norte e Chifre da África.

A MIAF – Missão para o Interior da África – é uma agência missionária internacional e interdenominacional, com  de 118 anos de experiência no continente africano. Tem como lema e alvo: “uma igreja cristocêntri- ca entre todos os povos africanos”. Sua meta é ver uma igreja madura em todos os povos africanos uma igreja que possa evangelizar seu próprio povo de forma efetiva. Para isto é preciso orar, para que o evangelho avance em áreas não alcançadas e líderes sejam treinados.

Estes são algumas das áreas de ministérios desenvolvidos por MIAF:

– Movimentos de oração
– Comunidades não alcançadas
– Treinamento de Líderes
– Desenvolvimento de Jovens
– Ministérios Médicos
– Ministérios Médicos
– e outros…

Hoje a MIAF trabalha nos seguintes países (os países do norte da África não são mencionados por questões de segurança):

ONDESERVIMOS

Ao longo destes anos entendemos que Deus nos colocou um chamado bem específico quanto ao trabalho entre não alcançados na África. Hoje temos muito claro que nosso chamado ministerial está focado e baseado nesta direção. A África hoje tem cerca de 40% de sua população não alcançada pelo evangelho e a grande maioria destes povos se concentram no Norte e Chifre da África, de maioria muçulmana.

Nestes quase 10 anos de ministério a frente da MIAF mais de 40 novos missionários foram enviados ao campo. Nosso ministério tem se focado não só no envio de novos missionários mais também no Cuidado pastoral, logístico de cada um deles, para que seus ministérios sejam cada vez mais frutíferos no campo. Além disso pela África se tratar de um continente instável do ponto de vista politico, estamos sempre atentos a questões de segurança e necessidade de apoio em casos emergenciais.

Nos próximos anos, com a graça de Deus, temos o desafio de continuar servindo frente da MIAF como diretor executivo (Paulo) e como diretora de pessoal (Patrícia) e para isso necessitamos do apoio de irmãos e irmãs para nos apoiarem em oração e financeiramente. Nosso  foco ministerial continua voltado à evangelização e apoio a igreja africana entre povos com menos de 1% de cristãos.